Em destaque

Como começar a escrever seu próprio livro?

Como começar?

As dificuldades encontradas por todos sempre é a mesma, o tema, a quantidade de páginas, um público e por último e não menos importante, um domínio.

Para começar a escrever é necessário saber que o foco e a persistência são fatores decisivos para a criação de um texto ou livro no geral abrange a ideia de que pode existir o ‘branco’ que sempre aparece na hora de provas e testes escolares. Geralmente a ideia principal é anote tudo que pensar ser relevante para sua escrita, mesmo que de início, juntamente com outras ideias não pareça ter sentido. No fim de tudo que for escrevendo acabará percebendo que suas anotações serão necessárias em algum ponto.

Como escolher seu tema?

O tema é um dos entraves que podem aparecer no início de sua jornada na hora de escrever, portanto, a dica de como esccolher seu tema é, escreva sobre o assunto primeiro depois escolha um tema, este irá aparecer na capa ou título por isso escolher de início um tema ou título pode significar o suicídio de novas fontes de ideias mirabolantes. Ao escolher depois seu título/tema, você oferece a sua mente e a seu livro uma oportunidade de obter seu fechamento e sucesso.

E quanto à quantidade?

A quantidade de páginas é muitas vezes desconsiderada se pensar em seu domínio.

Escolhendo o domínio

Domínio é a pataforma que você usará para divulgar seu livro ou texto, se faz necessário decidir seu domínio pois cada um oferece números diferentes de páginas ou caracteres ( Letras ou símbolos que são digitados num texto). A amazon.com oferece um sistema de caracteres bom o suficiente para começar seu livro e o divulgar.

Seu público

O público alvo foi deixado para o final a fim de desenvolver suas habilidades, é certo que fará seu livro pensando num retorno, mas a dica final é que faça seu livro para todos os públicos e ao desenrolar de seu livro verá qual público melhor compreende o mesmo.

Desafios dos pais ao ensinarem matérias básicas (pandemia do Corona vírus)

Nos tempos de escola de pessoas com vinte anos ou mais muitas lembranças são inesquecíveis, quando sentavam ao fundo da sala, brincadeiras com os amigos e o mais importante, as matérias escolares. Contudo, essas experiências são de anos anteriores, muitos bem lembram mais como fazer uma equação ou como surgiu uma teoria, quais classes gramaticais foram usadas bj uma frase.
Vamos tratar dessas e outras dificuldades encontradas pelos pais na hora de ensinar seus filhos enquanto estão em casa por conta da pandemia, desde ensinar até a apenas um simples exemplo de como desenhar ou tracejar uma reta.
A primeira dificuldade encontrada pelos pais, em sua maioria pelas mães que são mais presentes na vida dos filhos, é o tempo, apesar de parecer que quando se está em casa há mais tempo para realizar atividades com seus filhos ou mesmo pra ficar de bobeira a realidade é outra, mães e pais se ocupam em manter a casa organizada , preparo de alimentos ou conserto de parte dos móveis ou casa, assim não resta tanto tempo para a rotina de estudos que o filho deve ter.
Um segundo ponto é o recurso, hoje com a tecnologia em seu auge percebemos a existência de várias formas/fontes de conteúdo, porém sem o apontamento das matérias corretas pode acabar atrapalhando o desenvolvimento educacional. Professores e educadores designam conhecimentos específicos para cada nível que o aluno possa estar, se mais baixo ou mais elevado.
Por terceiro podemos apontar o conhecimento, sabido por outro artigo que algumas pessoas não possuem nem mesmo o ensino fundamental 2 ou mesmo o primeiro grau, com base nessa informação podemos entender que a dificuldade aqui é de conhecimento prévio sobre cada assunto tratado nas séries superiores àquelas que ele/ela estudou, tornando-se difícil explicar ou ensinar uma matéria nunca antes vista.
Por último e mais precário temos os métodos de ensino, como professor posso afirmar que ensinar alguém sem um método é um suicídio de informações, o aluno pode até aprender um ou dois assuntos, mas caso não absorva o conteúdo por completo não conseguirá avançar para a matéria seguinte sem enfrentar problemas . É o que ocorre na maioria das vezes, um aluno que não captou toda a informação primordial de uma matéria e segue o curso acaba não se desenvolvendo como esperado a matéria seguinte.
Os pais encontram esses problemas/dificuldades mas mesmo assim continuam firmes e fortes no ensino de seus filhos, com o que conseguem lidar.

As dificuldades dos alunos com aulas EAD

É sabido que a pandemia nos pegou de surpresa, em todas as áreas pudemos perceber um enorme envolvimento do vírus, os impactos negativos superam os positivos em diversos aspectos. A #educacao não ficou de fora, podemos até dizer que foi uma das áreas mais afetadas.
O futuro de diversas civilizações se deu a partir da criação de #escolas e universidades ou mesmo do passar informações adiante tais como teorias, teses e comprovações, mas para isso tivemos que aprender o básico, que se refere ao artigo em questão.
Nos anos 1990 o conceito de #ensinar e #aprender era totalmente diferente dos dias atuais, ensinar algo a alguém ganhou extrema prioridade e técnicas inovadoras, além de diversas formas de #inclusao, seja do aluno ou mesmo do professor, nas escolas. O ponto chave de desenvolvimento profissional dos alunos e também de profissionais de outras áreas. A necessidade de aprender ou de ensinar aos filhos os conceitos fundamentais da humanidade torna-se prioridade para muitos pais e responsáveis, mas com o cenário atual essa tarefa acaba se tornando cada vez mais difícil.
Os alunos encontram alguns empecilhos na hora de aprender matérias novas, tais como o grau de instrução dos pais, métodos de ensino arcaicos sendo usados em mídias sociais na era tecnológica, muitas vezes o aluno procura ajuda no #Youtube ou sites de busca para sanar suas dúvidas, porém a presença de um profissional da educação sempre será diferencial na hora de aprender, para tanto os pais não tem ideia de como ensinar algumas matérias. Alunos de séries iniciais do ensino fundamental 2 possuem dificuldades na adaptação escolar quanto ao número de matérias e de professores envolvidos em sua educação assim como os diferentes modos de avaliar que cada professor utiliza, uma chuva de #informacoes sem que tenha alguém pra captar de forma correta e proveitosa é descarregada no ensino online atual usado pelas secretarias de educação.
Outro grande problema encontrado no processo de aprender do aluno é a falta de recursos para melhor aproveitamento das aulas #ead , recursos básicos como celulares, notebooks ou até mesmo internet seja ela 3G ou 4G quem dirá wi-fi. Parece perturbador e fora de cogitação existir uma família que não possua internet na era digital, mas infelizmente para alguns alunos essa realidade existe. São pessoas desassistidas pelo governo ou com pouquíssimo recurso onde só possuem o que comer. Os esforços do governo federal para sanar essa deficiência no sistema educacional ainda é precário.
A falta de recursos não se limita aos alunos, mas também aos professores que é uma classe totalmente desassistida em recursos tecnológicos como laptops, programas, computadores e formação continuada. Para tentar ajudar nossos alunos professores de todo o #Brasil reinventam formas de ensinar sendo massacrados pelo sistema que força dizer que o inovador para educar é errado ou caro demais. Hoje vemos que a inovação é a chave para educar com qualidade uma geração que com certeza terá problemas mais a frente por passarem de ano com uma qualidade inferior as de anos anteriores perante sua educação. Pois apesar de #inovador o ensino atual está em fase de adaptação e pode demorar pra fazer efeito, não é imediato.

Apresentação

Bom dia,

Dedicado a textos diversos, me imerso em palavras que podem oferecer conforto e graça à minha vida. Através das palavras que escrevo consigo desenhar o mundo de uma forma mais descontraída e menos inversiva que a vida comum, ao tentar criar histórias de fantasias e horrores assim como trabalhos científicos e acadêmicos começo a aproveitar todas as experiências para saber cada vez mais.

Engajar-se em um projeto ou mesmo uma criação autoral me faz perceber que nunca saberemos o suficiente para o mundo e neste mundo de tantas oportunidades preferi me dedicar a uma forma não tanto conhecida pela comunidade atual que seria a escrita.

Uma vida conturbada e cheia de adversidades faz perceber que podemos nos realocar de diversas formas. Para tanto sempre conseguimos sobressair sobre cada uma das dificuldades impostas, hoje estou realizado com minha faculdade e família além de fazer o que sempre amei, criar e recriar textos.

Por Hugo Sousa

Crie um novo site no WordPress.com
Comece agora